Marca Pessoal – Qual formato de conteúdo combina melhor com a sua?

5 Flares Facebook 0 Twitter 0 LinkedIn 2 Google+ 0 Pin It Share 3 5 Flares ×

Formatos-conteúdo-marca-pessoal

Alguns de nossos leitores nos relataram suas maiores dificuldades em relação ao conteúdo para suas marcas pessoais. Criar novos conteúdos, saber que tipo de publicação é mais eficaz e o que é mais indicado para quem está começando agora.

O seu conteúdo, criado e/ou compartilhado é um dos mais importantes aspectos da sua marca pessoal. Dizemos que o conteúdo define o público, logo se você quer ser visto e notado por grandes empresas, por novos clientes e deseja se posicionar como uma autoridade em determinado assunto ou nicho de mercado, será através do seu conteúdo que obterá êxito.

“Conteúdo é rei.”

Simples, se conteúdo define o público, quanto melhor forem seus artigos, quanto mais informativas suas publicações e quanto mais pessoas você de fato ajudar através da sua mensagem, melhores serão os feedbacks da sua audiência, suas recomendações e por fim, sua reputação profissional.

Como compartilhar conteúdo relevante?

Pode acontecer de nem sempre você estar completamente ligado no que é assunto hoje em sua área profissional. E pior, o que é destaque hoje, amanhã pode se tornar irrelevante. Essa é uma das negatividades oriundas da internet, o excesso de informação. Manter-se 100% atualizado (a) com tudo o que acontece no seu ramo é algo bem complicado.

O timing exato de suas publicações, ou seja, saber o melhor momento para trazer a tona determinado assunto, será determinante para suas publicações “bombarem“ e você propagar sua marca, ou ser esquecido no meio do excesso de informações.

No entanto, existem hoje algumas alternativas para você estar sempre atualizado sobre novos conteúdos na sua profissão. Além de seguir as empresas e outros profissionais do mercado nas redes sociais, ou nos grandes portais segmentados, algumas ferramentas estão a nossa disposição para vasculhar a internet procurando tudo o que estiver relacionado com os temas que você desejar.

A principal delas e a qual recomendo é o Google Alerts.

Google Alerts

O Google Alerts é uma ferramenta gratuita do Google na qual você pode receber diariamente alertas sobre novas publicações, notícias, vídeos ou matérias sobre determinado tema. Basta configurar de acordo com que deseja receber:

Acesse: http://www.google.com/alerts

marca-pessoal

 

Complete com os termos que desejar receber, que lhe seja interessante, a periodicidade que irá receber seus alertas, ou seja, de quanto em quanto tempo desejará receber, o tipo de publicação e seu endereço de e-mail para receber as notificações.

Por exemplo, aqui para nós do Marketing Pessoal Online, temos alguns alertas configurados para os termos “Marketing Pessoal”, “Marca Pessoal”,e “Personal Branding” e outros mais específicos. E uma vez por semana recebemos alguns alertas por e-mail com novas publicações sobre tais assuntos.

Essa ferramenta lhe auxiliará a pesquisar e criar conteúdos relevantes e únicos para sua audiência. Estar ciente do que é assunto no momento dentro da sua área, é fundamental para criar um conteúdo que conecte as pessoas com a sua marca.

Nesse artigo vamos abordar 3 formatos de conteúdo que são excelentes para quem está começando a construir sua marca pessoal digital. São eles: Guest-post, vídeos e e-books.

Guests posts

guest-post

Já falamos aqui no blog sobre essa prática,que consiste em escrever artigos para serem publicados em outros sites e blogs específicos da sua audiência. Mas quais as vantagens?

A publicação como convidado te concede instantaneamente status de autoridade sobre o assunto abordado, principalmente se for um conteúdo de qualidade, que ajude ou informe as pessoas, além de fazê-las tomarem ação.

Outro aspecto positivo do guesting-post é o alcance que sua mensagem e sua marca ganham ao publicar em outros sites. Dependendo do tamanho do blog você pode atingir e impactar um número de pessoas que nem imagina.

Caso você não deseje criar um blog como estratégia inicial para sua marca, o guest-post lhe ajudará a compartilhar suas ideias e artigos pela rede, em blogs que aceitem tal prática.

Como encontrar sites para publicar meus artigos?

No início, pode ser que você tenha dificuldade em encontrar um site com foco exclusivo naquele assunto que pretende escrever, isso varia entre os ramos profissionais, portanto procure sites que talvez não sejam especificamente sobre o que deseja publicar, mas que possuem seções relacionadas a esse tema.

Posteriormente a isso, você deve ir atrás blogs já renomados na área, que contam com uma audiência fiel e de qualidade. Quanto mais visitantes esse site possuir, maior o número de leitores do seu artigo e consequentemente, do seu blog e mais pessoas em contato com a sua marca, com o seu nome.

Para tanto, é importante sempre que possível escrever artigos com links para seu site (se já tiver um) e completar seu perfil com todos seus contatos online, redes sociais, e-mail, etc.

Segmentação

Pesquise muito bem em quais sites ou seções irá compartilhar seu conteúdo.

Por exemplo, se você é um publicitário recém-formado (como eu já fui), e deseja escrever sobre as novas tendências do mercado da publicidade para 2014. Qual deve ser o perfil do site que irá publicar seu artigo?

Ora, algum blog de publicidade, de marketing, ou sobre comunicação social e todos os temas derivados dela. Não adianta nada você escrever sobre as novas tendências do mercado publicitário num blog para engenheiros. Há a necessidade de adequação ao meio. Afinal, que valor terá para sua marca como publicitário, atingir um público de engenheiros?

Grave vídeos

marca-pessoal

Dependendo da sua área de atuação e o que exerce profissionalmente, você terá uma maior exposição e melhor posicionamento de marca se utilizar outros recursos para divulgar seus conhecimentos e se tornar relevante para o mercado.

Se você é um designer gráfico e trabalha como freelancer,por exemplo, poderá criar vídeos-tutoriais e colocá-los no Youtube ou Vimeo. Vídeos simples, que capturam a atividade da tela do seu computador, hoje existem diversos programas com essa finalidade.

Pode esquematizar uma sequência de vídeos, desde o básico, para iniciantes, até vídeos mais específicos, para profissionais mais avançados. Explicando detalhadamente o uso de programas comumente usados por designers gráficos.

Esse trabalho é muito valorizado por recrutadores e empresas, pois mostra o lado profissional e prestativo da sua marca.Você estará compartilhando seu conhecimento, além de estar ajudando diversas pessoas a se desenvolverem profissionalmente. Autoridade instantânea!

Para saber mais sobre como você pode criar vídeos para auxiliar no crescimento da sua marca pessoal digital, leia nosso artigo: Como criar vídeos do Youtube que conectam as pessoas.

Pense o seguinte: da mesma maneira que você admira e enaltece grandes profissionais, já conhecidos e renomados, têm muita gente começando ou ainda sem muita experiência que pode encontrar seu trabalho na internet e admirá-lo (a) e enaltecê-lo (a) por isso. Esse é o verdadeiro poder e propósito do marketing pessoal na internet! 

Escreva um e-book

Escrever um e-book pode ser uma estratégia válida para aqueles profissionais que já possuem uma presença mais sólida na web. Talvez para quem esteja começando, o ideal seja focar nos artigos como convidado (guest-post) e os vídeos.

marca-pessoal-digital

Seja qual for sua formação e sua área de atuação profissional, você pode escrever um e-book sobre o tema. Concordo que escrever um e-book requer muito mais comprometimento e dedicação do escrever publicações pontuais em seu blog ou como convidado em blogs de terceiros, no entanto as recompensas e a percepção de valor atribuído a esse trabalho serão muito maiores.

Além de divulgar seu trabalho nas redes sociais, você poderá propor parcerias com outros profissionais para divulgar seu e-book, ajudando assim a propagar sua mensagem e sua marca.

Você é instantaneamente reconhecido com um expert, alguém com um domínio profissional sobre o tema, que merece ser seguido.

E o processo de escrever um livro mudou muito com a internet. Se você desejasse fazer isso há alguns anos atrás, teria que trabalhar com uma editora, com gastos muito maiores e sem o retorno desejado, tanto financeiro, como de reconhecimento. Hoje a internet nos permite sermos autores de diversas obras, em formatos simples, sem a necessidade de uma equipe de profissionais para publicá-lo. E ainda com as estratégias certas, você irá atingir seu público de maneira muito mais eficaz.

Nós aqui temos um E-book gratuito sobre Marketing Pessoal no Linkedin, onde compartilhamos alguns ensinamentos aprendidos ao longo dos anos sobre essa rede social profissional e como utilizá-la para o crescimento de sua marca pessoal e profissional.

Criatividade

Independente de qual estratégia de conteúdo adotar, a criatividade é essencial para se diferenciar das demais marcas pessoais. Todos nós já temos uma marca e uma reputação relacionadas a nós como profissionais.

Nossa função é trabalhar para nos posicionarmos de maneira diferenciada dos demais, perante o mercado e ao nosso público. E a criatividade tem papel fundamental nesse processo.

Aprenda com os melhores

Quem são as autoridades no seu mercado? Quais profissionais na sua área você admira e por quê? Entender como essas pessoas abordam os temas de seu interesse, como formam e escrevem suas opiniões acerca de matérias ou outros artigos relacionados à sua profissão vai lhe ajudar a criar um senso crítico sobre seu próprio conteúdo e sobre sua opinião.

 Como respondem aos comentários em suas publicações? Tudo isso ajudará você a seguir o caminho correto na hora de produzir conteúdo próprio ou compartilhar conteúdos já existentes.

Esses profissionais são reconhecidos por um motivo, são excelentes no que fazem, afinal são os melhores, certo? E para chegar lá, com certeza já erraram muito, já enfrentaram muitas dificuldades como nós enfrentamos.

Aproveite para estudar seus comportamentos online, como gerem suas marcas, pois eles já sabem o que funciona e o que não funciona. Aprender com os erros dos outros é grandioso. Lhe poupará tempo e trabalho.

Concluindo

3 Maneiras de começar: posts como convidado em outros blogs, publique vídeos que engaje sua audiência e escreva um e-book para gerar autoridade no assunto. E sempre lembrando : criatividade = diferenciação.

O seu conteúdo será sua arma mais importante na construção e gerenciamento da sua marca. Será através dele que você formará seu público, ganhará autoridade, se posicionará como um expert na área e atrairá grandes oportunidades profissionais. Além é claro, do bem-estar proporcionado, a satisfação de fazer aquilo que ama e ainda ser reconhecido e admirado por isso.

É isso.Você está pronto para marcar presença na internet, se mostrar ao mundo por suas competências e conquistar uma reputação invejável!

Que tal compartilhar esse conteúdo com mais alguém que seja útil?

E por último, o que acha das 3 estratégias de conteúdo relacionadas aqui? O que você tem usado para sua marca? Comente.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 3.7/5 (3 votes cast)
Marca Pessoal - Qual formato de conteúdo combina melhor com a sua?, 3.7 out of 5 based on 3 ratings
Rafael Dal'laqua (29 Posts)

Publicitário graduado pela Universidade Santa Cecília - Santos/SP e pós-graduando em Administração de Empresas pela FGV/SP. Profissional com interesses em personal branding e em tudo o que a internet oferece para construção e gerenciamento de marcas pessoais sólidas e de sucesso online. Movido pela busca por novos conhecimentos e um eterno nadador. É co-fundador do Marketing Pessoal Online.


5 Flares Facebook 0 Twitter 0 LinkedIn 2 Google+ 0 Pin It Share 3 5 Flares ×